Da mesma forma que os corpos energéticos sutis influenciam no físico, o corpo físico, quando incorporado com consciência,  atua desbloqueando os chakras e permitindo acesso integral ao potencial e qualidades destes centros.

Este acesso integral ao potencial e qualidades significa poder!

Se a energia cósmica gera a vida através do movimento; é a energia cósmica que se transforma em vital que literalmente dá a vida para que você atue no corpo.

Então como continuar ignorando o veículo que habita?

Para um novo olhar para o corpo vamos nos inspirar no conceito da Bioenergética, que foi idealizado por  Wilhelm Reich (1897-1957) psicanalista amigo de Freud. Reich descobriu que o inconsciente “reage” às situações da vida e se expressa o tempo todo através do corpo e energia.

Para Reich as emoções são o movimento da energia vital no corpo e quando retraídas, impedidas de circular (bloqueio energético) devido a alguma contração muscular inconsciente, criam o que ele chamou de couraças.

As couraças são o resultado da sedimentação da musculatura que causam a desconexão da consciência com o aqui e agora e a perda do sentir, que seria a percepção e vivência corporais.

Eis a origem da separação entre corpo e consciência.

As couraças, que já atuam no ser desde a gestação, podem influenciar a pessoa por toda uma vida. Por exemplo, uma pessoa que vivenciou um estado de medo no parto ou infância, pode passar a vida inteira com os músculos retraídos, fluxo energético debilitado, aparência pálida e comportamento introspectivo e solitário. Sua vida passa a ser determinada pelo medo que está ancorado no corpo. Um distúrbio como este é trabalhado através do corpo e do sentir.

Como?

Quando você sente alguma coisa (sentimentos, emoções), a energia vital (chamada de orgone por Reich)  move-se em seu corpo. Portanto, um sentimento não é uma ideia ou imaginação (algo criado pela mente) é um acontecimento energético no corpo.

A energia flui internamente gerando movimento. Quando alegre você se estica, expande para o mundo; quando amedrotado, você se retraí para dentro como um caramujo, por exemplo.

O ser humano se contrai (retração) por medo ou dor. Muitas pessoas se recolhem de maneira consciente para concentra energia.

O alongamento (expansão) é uma abertura para o exterior que acontece no prazer e na raiva, principalmente prazer sexual.

Há um fluxo contínuo de energia que circula por nosso corpo e conecta nossa energia vital à energia da Terra (aterramento) e cósmica (iluminação).

Todo campo energético (corpos) se expande ou contrae conforme o fluir da energia vital no corpo físico.

Energia vital e equilibrada fluindo é sinal de saúde física e espiritual.

Se a energia vital não flui, há represamento de emoções no corpo e a pessoa se sente cansada e abatida. Algumas circunstâncias da vida enfraquecem energia vital: meio ambiente, ar, qualidade de vida, alimentação, etc.


*Conheça as opções de atendimento da Terapia do Sentir com Vivian Ignácio